O que Levar Para a Maternidade: Saiba o que Realmente será Necessário Nesse Momento!

O momento da chegada do bebê, geralmente gera expectativas e emoções que podem fazer com que os pais fiquem atrapalhados e nervosos, com isso é importante separar previamente o que levar para a maternidade.

Afinal, são muitos os itens necessários para o bebê, a mãe e até para o acompanhante, que quando esquecidos geram transtornos e desconfortos que podem ser evitados com uma lista, planejamento e organização.

Gostou do assunto e quer saber mais? Então continue lendo o nosso post e saiba o que levar para a maternidade. Confira!

lista do que levar para a maternidade

O Que Levar para a Maternidade

A gravidez já está no final e ainda está com dúvidas do que é realmente necessário levar para a maternidade? Fique calma, pois nós iremos te ajudar!

Isso porque, nessa fase é comum os pais terem inúmeras preocupações e assim, se esquecerem de alguns itens importantes, mas para isso há solução, pois aqui traremos tudo o que você e sua família irá precisar, além de dicas de quantidades e quando será utilizado.

E antes de mais nada, lembre-se que após o parto, caso ocorra tudo dentro do previsto o normal é que a hospedagem no hospital seja de três dias.

Com isso, não exagere na quantidade de itens, mas também não seja muito minimalista. Tente equilibrar os utensílios com o espaço das bolsas ou malas que pretende levar.

Preparada? Então veja nossas listas do que levar para a maternidade!

lista do que levar para a maternidade

O Que Levar para a Maternidade para o Bebê

  • 6 Body (manga longa e curta);
  • 6 Mijões;
  • 4 Macacões;
  • 4 Pares de meia;
  • 2 Pares de luvas (caso seu bebê nasça no inverno ou períodos frios);
  • 1 Touca;
  • 5 ou 6 Fraldas ou paninhos de boca;
  • 2 Casaquinhos ou blusas com abertura frontal;
  • Trocador portátil;
  • Xale ou cobertor;
  • 1 Manta;
  • Conjunto de roupa para a saída da maternidade;
  • 1 Pacote de fralda descartável tamanho RN;
  • 2 Toalhas fraldas (algumas maternidades oferecem as toalhas de banho);
  • Sabonete líquido de glicerina (PH neutro);
  • Escova para cabelo;
  • Cotonetes;
  • Álcool 70% líquido pequeno;
  • 1 Pacote de algodão ou lenço umedecido próprio para recém-nascido;
  • Pomada contra assaduras; e
  • Sacolinhas para roupas sujas.

Esses são os itens que o seu bebê irá precisar na maternidade logo que nascer, porém, ao escolher as roupas e cobertas que deseja levar, reflita sobre a temperatura do ano em que ganhará a criança, evitando peso desnecessário ou falta de objetos necessários.

E não precisa exagerar no número de peças de roupas, uma vez que o período que seu bebê ficará no hospital é curto e não serão feitas tantas trocas assim, com isso, fique tranquila na separação das peças.

Contudo, lembre-se de colocar opções de manga longa e outras mais fresquinhas, garantindo que seu bebê tenha o conforto necessário em qualquer ocasião.

As fraldas de boca são necessárias, uma vez que ao mamar pode ser que o bebê suje a boquinha ou até a roupa, com isso, tenha em mente a utilização de aproximadamente dois panos por dia, mas não leve grandes quantidades, lembrando que o tempo de permanência no hospital também será curto.

Em relação aos itens de higiene, leve exatamente o que está na lista e tenha atenção para a escolha do melhor shampoo ou sabonete, evitando marcas ou especificações que possam causar danos como irritações e alergias.

Dessa forma, sempre dê preferência aos de glicerina e com PH balanceado, garantindo melhor adaptação à pele delicada.

O cotonete, além de ser usado para limpar as orelhas, também é indicado para limpeza do umbigo junto com o álcool 70%, com isso, também inclua esses itens dentre as prioridades e saiba que esses utensílios serão usados frequentemente até cicatrização do local.

E outro item importante que geralmente é esquecido são as sacolinhas para colocar a roupa suja do seu bebê.

Elas tem essa relevância, pois evitam que a roupa suja entre em contato com a limpa, inibindo a proliferação de bactérias, entre outros malefícios.

Assim, sempre tenha sacolinhas para colocar as peças usadas pelo neném.

Ao seguir essa lista, dificilmente você irá errar na organização, resultando em mais tranquilidade para o momento do nascimento.

itens para o bebê

O Que Levar Para a Maternidade para a Mãe

  • 3 Pijamas ou camisolas com abertura na frente;
  • 6 ou mais calcinhas confortáveis;
  • 1 Roupão;
  • 3 Pares de meias;
  • 3 Sutiãs próprios para amamentação;
  • 12 Unidades ou mais de absorventes para os seios;
  • Pomada para seio (caso haja indicação do seu médico);
  • Escova, pasta de dentes e fio dental;
  • 1 Pacote de absorvente noturno;
  • Sabonete;
  • Desodorante;
  • Hidratante;
  • Bucha para banho;
  • Shampoo e condicionador;
  • Chinelo para o banho;
  • Toalha de banho;
  • Pentes, escova e utensílios para cabelo;
  • Chinelo ou pantufa para o quarto fáceis de colocar e com solado antiderrapante;
  • 1 Muda de roupa para a saída da maternidade;
  • 1 Cinta pós-parto (caso tenha indicação do seu médico);
  • Kit básico de maquiagem caso queira; e
  • Sacolas para roupas sujas.

Esses são itens que toda mãe vai precisar para levar à maternidade no momento do parto e essa quantidade de pijamas e camisolas é devido a possibilidade de sujar com leite ou secreções do pós parto.

Com isso, sempre tenha pelo menos uma roupa para cada dia que permanecerá no hospital ou casa de parto e também dê prioridade às peças em tecido e tamanhos confortáveis, evitando incômodos ao corpo cansado e fragilizado após todo o processo para o nascimento do bebê.

O roupão é outra peça que também é importante, pois estimula mais conforto e segurança à mãe que muitas vezes precisará caminhar por determinadas áreas do local de recuperação para estimular o funcionamento do intestino e outros órgãos, caso o parto tenha sido cesárea.

Dessa forma, para sentir-se mais a vontade durante a hospedagem na maternidade, inclua o roupão dentre os itens da lista.

Na lista também consta uma quantidade indicada de sutiãs e absorventes para seio, a fim de prevenir desconfortos causados pelo vazamento do leite que nos primeiros meses após o parto pode ser intenso.

Assim, para evitar manchas e sujeira nas roupas, leve opções de trocas e absorventes para seio descartáveis, evitando os de silicone nesse momento, uma vez que não será possível realizar a limpeza e desinfecção de maneira adequada.

A pomada para seio é um produto que ajuda a evitar o ferimento e extrema sensibilidade durante a amamentação nas primeiras semanas que pode ser um pouco dolorida.

Com isso, verifique com o médico especialista que acompanha sua gestação se o uso desse tipo de pomada é indicada para o seu caso e se positivo, não esqueça de colocar esse item na bolsa para a maternidade.

O absorvente noturno é outro utensílio extremamente importante após o processo do parto, isso porque é comum por alguns dias haver sangramentos em grandes quantidades.

Dessa forma, para evitar vazamentos e desconfortos, leve uma boa quantidade de absorventes noturnos com alta capacidade de absorção.

Algumas maternidades oferecem roupa de cama e banho, contudo outras podem não fornecer, assim pesquise com antecedência e caso seja necessário lembre-se de acrescentar toalha, lençol, fronhas, entre outros itens que considerar importante nesse quesito.

E sobre a cinta pós parto, antes de comprar vale pesquisar o uso e conversar com um médico de confiança a fim de conhecer a importância ou não do uso.

Isso porque, para alguns especialistas as cintas não são muito funcionais para a cicatrização e fortalecimento do abdômen pós gestação, com isso, analise se irá usar e caso decida pelo uso, lembre-se de incluir na mala.

E caso queira, também leve uma necessaire com itens básicos de maquiagem, como batom, rímel, entre outros que irão contribuir para a melhora da autoestima e até percepção de recuperação.

o que a mãe pode levar para a maternidade

O Que Levar para a Maternidade para o Acompanhante

  • 1 Pijama ou roupa confortável para dormir;
  • Produtos de higiene pessoal (escova e pasta de dentes, fio dental, desodorante, entre outros);
  • 3 Cuecas/calcinhas;
  • 2 Mudas de roupas;
  • Toalha de banho e/ou rosto;
  • Sapatos confortáveis;
  • Chinelo;
  • Travesseiro ou almofada (caso a maternidade não ofereça);
  • Lençol ou manta (caso a maternidade não ofereça);
  • Álcool em gel;
  • Máscaras; e
  • Celular e carregador.

Algumas mamães têm a oportunidade de ficar com acompanhantes no quarto durante a recuperação pós parto, o que é muito bom para o auxílio nas primeiras noites com a criança.

E se esse for o seu caso e procura algumas referências do que levar, siga a nossa lista pois ela com certeza te ajudará.

Sobre as roupas de cama, toalhas e travesseiros, recomenda-se antecipadamente pesquisar se o local escolhido para o nascimento oferece esses tipos de utensílios para o acompanhante, bem como espaço para banho.

E além desses itens, também pesquise se a maternidade oferece refeição para o acompanhante. E caso não, lembre-se de reservar um valor para as refeições próximas ao local da maternidade e não esqueça do preço do estacionamento se tiver carro.

Ao considerar essa lista e essas dicas o acompanhante irá sentir-se mais confortável e tranquilo para contribuir com a mãe e o bebê nesse momento tão necessário.

bolsa do acompanhante

Quais Documentos Levar Para a Maternidade

  • Documentos pessoais, como RG e CPF ou Carteira de Habilitação da mãe e acompanhante;
  • Encaminhamento do seu médico e cartão pré-natal;
  • Carteirinha do plano de saúde (caso tenha);
  • Autorização do plano de saúde (caso tenha);
  • Últimos exames feitos durante a gestação, incluindo último ultrassom; e
  • Plano de parto (caso tenha).

E além das roupas e utensílios básicos, também é importante lembrar de todos os documentos necessários para o nascimento e entrada no hospital ou casa de parto.

Assim, tenha todos os documentos separados em uma pasta ou local de fácil identificação para levar quando for previsto e não leve somente cópias, tenha o cuidado de levar somente vias originais, uma vez que algumas maternidades podem não aceitar dessa forma.

E para evitar transtornos ou desrespeitos com a escolha da mãe, outro documento importante para elaborar e levar é o plano de parto, onde deverá constar os procedimentos autorizados, entre outros aspectos importantes no momento do nascimento da criança, assim, se tem interesse nesse assunto pesquise e converse com o seu médico.

Os exames também não podem ser esquecido, isso porque com eles em mãos será possível qualquer profissional da área médica identificar suas necessidades com mais agilidade e precisão, com isso, lembre-se de levar todo seu prontuário de gestação.

E caso tenha receios de erros no registro do seu bebê, dentre os documentos coloque um papel com o nome completo que deseja, evitando esquecimentos ou erros de grafia.

Essa dica é ótima para pais ou acompanhantes que ficam extremamente ansiosos e emocionados com a chegada do neném.

pasta com documentos

Outros Itens Importantes para Levar à Maternidade

  • álcool gel para as visitas;
  • celular e carregador;
  • adaptador de tomada;
  • secador de cabelo (caso queira);
  • bebê conforto, para uso na saída do hospital;
  • lembrancinhas para visitas (caso queira); e
  • quadro para a porta do quarto (caso queira).

E para não ter preocupações com os familiares que querem saber do novo integrante da família, coloque na lista de itens para levar para a maternidade, carregador de celular e adaptador de tomada, garantindo o funcionamento do aparelho que auxiliará na comunicação com o externo.

E caso tenha a pretensão de receber visitas, também leve álcool em gel para a higienização das mãos e sempre solicite a utilização de máscaras.

O secador de cabelo é um item opcional, mas que pode ter grande funcionalidade para as mulheres que não gostam de dormir de cabelo molhado, isso porque geralmente após o parto é recomendado que a mãe tome um banho e lave o cabelo devido ao suor provocado pelo esforço.

Assim, se tem esse costume e preocupação leve um secador, mas não muito barulhento.

E para o transporte do neném para casa é importante levar o bebê conforto, garantindo segurança e comodidade.

Dessa forma, lembre-se de instalar o utensílio previamente no veículo, garantindo o seu funcionamento e correto posicionamento.

outros itens importantes para levar para a maternidade

E agora que você já sabe todos os itens para levar à maternidade, vamos dar algumas dicas de como organizar tudo isso, assim, atenção ao nosso próximo tópico!

4 Dicas de Como Organizar os Itens na Bolsa Maternidade

E depois de conhecer todos os itens necessários para a mãe, bebê e acompanhante, vamos dar algumas dicas de como organizar tudo isso, facilitando a identificação para uso quando necessário e também economizando espaço. Veja!

Leve Bolsas Separadas para a Mãe, Bebê e Acompanhante

Após o parto é comum as mulheres sentirem-se cansadas e assim, necessitarem de ajuda para pegar alguns itens na bolsa, com isso, para evitar constrangimentos sempre leve uma mala para você e outra para o seu bebê, evitando misturar as coisas.

Essa prática estimula melhor higiene e cuidados com os itens do recém-nascido e também melhora a organização e espaço durante a arrumação e movimentação das malas.

E caso as bolsas sejam parecidas, coloque uma identificação demonstrando de que cada uma, evitando que alguém pegue por engano achando que é do bebê ou vice versa.

E durante a escolha das bolsas para levar à maternidade, lembre-se de priorizar as que possuem divisórias e bolsos, contribuindo para a organização e visualização de onde está cada item.

Ao seguir essas dicas, a arrumação será mais adequada para todos os envolvidos no processo.

coloque os itens em bolsas separadas

Coloque Conjuntos e Combinações para o Bebê de Forma Separadas

Caso queira que seu bebê use roupas específicas a cada dia que ficar na maternidade, para auxiliar na organização separe os conjuntos ou peças em saquinhos plásticos ou organizadores deixando tudo previamente arrumado e mais prático para os momentos de troca.

Essa dica é muito válida principalmente para mamães que ficarão com acompanhante e querem facilitar a interação enquanto ainda estiver na maternidade.

Também deixe separado em bolsas e necessaire os itens de higiene e cuidados do bebê, como sabonete líquido, pomada contra assaduras, algodão, entre outros.

Isso também irá agilizar os momentos do banho e localização dos objetos necessários.

separação por troca

Use Saquinhos Organizadores para Acomodar os Itens

E como mencionado no item anterior, uma ótima maneira de deixar os itens da mãe e bebê com fácil acesso e identificação é com a separação em saquinhos plásticos ou organizadores próprios.

Esses organizadores, além de facilitarem a separação das peças na bolsa, também auxiliam na manutenção da limpeza nas roupas, evitando contato com outros acessórios presentes.

E para fazer essa separação, caso opte pelo uso de saquinhos convencionais de roupa, lembre-se de garantir a limpeza e caso necessário faça a higienização com álcool 70% antes de colocar as peças do recém-nascido.

levar para a maternidade carregador de celular

Coloque os Itens de Higiene em Necessaire Organizada

E para que tudo fique preparado para o banho e momentos de cuidado da mãe e bebê, coloque todos os itens de higiene em uma necessaire de preferência clara ou transparente, permitindo fácil identificação e agilidade ao precisar de algum produto.

Se possível, escolha um modelo de necessaire espaçoso que caiba tudo o que irá precisar ou caso queira, leve mais de uma, considerando transportar diferentes tipos de produto em cada uma.

E para maior facilidade, sempre deixe a necessaire em local fácil de encontrar na bolsa, contribuindo para o auxílio de terceiros caso precise.

Ao seguir essas dicas, a organização será mais adequada e sem transtornos durante os momentos pós parto.

mulher gravida

Quando Arrumar a Bolsa Maternidade

E para muitos pais, uma grande preocupação além dos itens à serem levados é quando deixar tudo organizado na bolsa maternidade.

E a nossa sugestão é entre a 34ª e 37ª semana, período esse em que o bebê já está preparado para nascer.

Com isso, considere a posição da criança e possibilidades de data do nascimento para evitar ser pega de surpresa e se possível, comece a deixar tudo organizado a partir desta data.

Ao planejar-se, tudo ocorrerá bem e de forma tranquila para a chegada à maternidade.

sala indo para a maternidade

Gostou das nossas dicas? Deixe seu comentário!

Deixe um comentário