30 Semanas de Gravidez

Chegamos nas 30 semanas de gravidez! E isso indica que, a cada dia que passa, a ansiedade e os sintomas da reta final da gestação vão tomando conta. Por isso é de extrema importância que você continue o seu acompanhamento pré-natal para garantir que a sua saúde e a de seu bebê estarão em dia.

Além disso, vale ressaltar que é comum nesse período gestacional que a mamãe apresente variações de humor e mais uma vez as idas ao obstetra se fazem necessárias para que o médico possa avaliar sua situação e te passar o tratamento indicado.

Criamos esse post para que você fique por dentro dos principais sintomas e acontecimentos das 30 semanas de gestação. Quer conferir? Basta continuar a leitura desse post!

Sintomas com 30 semanas de gravidez

Com 30 semanas de gravidez, que equivale a 7 meses gestacionais, a mulher já está sentindo os incômodos finais da gestação e isso indica que ela precisará tomar alguns cuidados. Mas fique tranquila: não costuma ser nada preocupante e, em caso de surgimento de sintomas graves, o indicado é que você procure o atendimento médico para que possa ser examinada.

Veja quais são os sintomas mais comuns durante a 30ª semana gestacional:

Ganho de peso

importância da alimentação saudável na gravidez
A alimentação saudável durante a gravidez é essencial para evitar o ganho exagerado de peso e para garantir que sua saúde e a do seu bebê não serão afetadas.

Se até aqui você já notou a saliência da barriga de gestante, o esperado é que a partir das 30 semanas o ganho de peso seja ainda maior. Isso porque de agora em diante você poderá ganhar cerca de 500g por semana. Mas ah, se porventura o seu ganho de peso tenha sido muito superior a esse valor de referência, o recomendado é que você procure um médico para avaliar o seu caso e para te passar um plano alimentar personalizado a fim de controlar seu peso e garantir que você não terá problemas de saúde relacionados ao sobrepeso/obesidade.

Cansaço e indisposição

Nas 30 semanas de gravidez a mulher poderá apresentar-se mais cansada e indisposta que o normal e isso também é esperado. Para contornar essa situação, tente fazer pequenas pausas ao longo do dia e se manter o máximo descansada possível. Porém, se o incomodo for persistente, não deixe de conversar com seu médico para definir o método mais seguro de contornar esses sintomas.

Variações de humor repentinas

Está se sentindo triste ou desanimada e não consegue entender o motivo? Esse é mais um sintoma que a gestante com 30 semanas de gestação pode apresentar e que não deve ser ignorado. Afinal das contas, a mamãe que sente variação de humor durante essa etapa gestacional tem mais chance de desenvolver a depressão pós-parto e precisa ser diagnosticada e tratada precocemente pelo seu médico obstetra.

Por isso, não deixe de avisar seu médico caso perceba a aparição desse sintoma e, além disso, busque fazer coisas que te façam bem: leia livros, escute música, assista filmes e séries, saia com amigos, cozinhe, vá ao salão ou ao shopping… Enfim, distraia bastante para evitar que a tristeza repentina se instale.

Dificuldade para respirar

O útero com 30 semanas de gestação faz uma pressão considerável sobre o diafragma e isso resulta em uma dificuldade para respirar, o que certamente incomoda as mamães. Mas fique calma: esse sintoma tende a melhorar nos próximos dias já que o bebê irá descer e encaixar no seu quadril. Enquanto isso não acontece, tente se manter o mais descansa possível e evite grandes esforços, isso com certeza te ajudará bastante!

Dores nas costas

Provavelmente você já vem sentindo dores nas costas a algumas semanas e o resultado disso é o peso da barriga. Para evitar grandes desconfortos ocasionados por esse sintoma, mantenha o descanso e sono em dia e encontre uma posição confortável e segura para dormir. Recomendamos que você se deite de lado, essa é comprovadamente uma das maneiras mais indicadas pelos profissionais da saúde para as gestantes.

Micção frequente

Se você vem acompanhando nossos posts das semanas gestacionais anteriores, você já deve ter percebido que esse sintoma vem sendo frequente em todas as outras semanas e nas 30 semanas de gravidez não será diferente. Sim, esse sintoma é recordista e o que mais tende a te acompanhar durante toda a gravidez. O resultado disso? Bom, a pressão que o útero faz sobre a bexiga, diminuindo seu reservatório.

Para reduzir os incômodos, nossas dicas são: evite ficar muito tempo sem ir ao banheiro, evite frequentar lugares que não te dão acesso fácil a um banheiro e evite a ingestão exagerada de líquidos antes de se deitar. Além disso, inclua as idas frequentes ao banheiro na sua rotina e leve isso na esportiva, sem precisar se estressar por isso. Afinal: a chegada do seu bebê compensará esse e vários outros esforços que você precisou e precisará fazer pelo caminho. 😊

Alterações na gestante com 30 semanas de gravidez

Durante as 30 semanas de gravidez a maior alteração que a gestante pode observar é em relação ao seu humor que pode mudar com facilidade. Se porventura você notar que está ficando muito triste e deprimida, não deixe de constatar esse sintoma ao seu médico para que ele possa te indicar o tratamento mais indicado pois, como foi dito anteriormente, as gestantes que apresentam essa alteração de humor durante as 30 semanas gestacionais têm maior propensão a desenvolver a depressão pós-parto.

lazeres durante as 30 semanas de gravidez
Fazer coisas que você gosta durante as 30 semanas de gravidez vai evitar que a tristeza repentina se instale. Além disso, é importante que você converse com seu médico e relate sobre o sintoma.

Além disso, as mamãe podem perceber também uma alteração significativa no seu corpo, já que a barriga de gestante vem crescendo mais e mais. Por isso evite roupas muito justas optando sempre pelas roupas confortáveis e preferencialmente para as que são apropriadas para gestantes.

Desenvolvimento do feto com 30 semanas de gravidez

Com 30 semanas de gestação é provável que o bebê já esteja virado para baixo, com a cabeça junto da pélvis e os joelhos dobrados, posição que ajuda bastante durante o parto normal. Porém, caso seu filho(a) ainda não esteja nessa posição, não desespere! Ele ainda pode levar até a 32ª semana para virar completamente.

Se por acaso o bebê nasça prematuro durante as 30 semanas, ele possui grande chance de sobreviver. Entretanto, como seu sistema imune ainda está em desenvolvimento, assim como os pulmões, é provável que ele precise ficar internado em uma incubadora até que ele esteja 100% desenvolvido e pronto para ir para casa.

Além disso, há outros acontecimentos que marcam o desenvolvimento do feto durante as 30 semanas gestacionais. São eles:

  • O bebê está com a pele rosada e lisa;
  • Os braços e pernas estão mais “gordinhos”;
  • Ele já conseguiu acumular um pouco de gordura corporal, o que representa 8% do seu peso total e que ajudará a regular a sua temperatura ao nascer;
  • O bebê já consegue responder ao estímulo da luz e diferenciar o claro e o escuro.

Qual é o tamanho do feto com 30 semanas de gravidez?

Com 30 semanas de gestação o bebê mede aproximadamente 39,9 centímetros, tamanho equivalente ao de um repolho e o seu peso médio é de 2 quilos.

30 semanas de gravidez são quantos meses?

A gestante com 30 semanas de gravidez está no 7º mês gestacional, ou seja, ela já está no terceiro trimestre da gravidez.

Importância do pré-natal na reta final da gravidez

O pré-natal é o acompanhamento médico que tem como objetivo monitorar a gestante e o feto durante toda a gravidez para garantir que a saúde da mamãe e do bebê estarão preservadas. Durante o último trimestre, as consultas podem ser solicitadas em um período ainda menor de tempo, tendo em vista que é nesta etapa gestacional que o risco de parto prematuro cresce e que a mamãe precisa verificar qual o tamanho do bebê, qual a previsão de nascimento, se há alguma condição de saúde que indique a necessidade de antecipar o parto, se o feto já está na posição correta, entre outros.

importância pré-natal final da gestação
O pré-natal durante o terceiro trimestre da gestação é essencial para garantir que a sua saúde a do seu bebê não serão afetadas.

Portanto, se você entrou no terceiro trimestre gestacional, fica aí o nosso aviso: é bem provável que seus encontros com o obstetra seja quinzenal ou até mesmo semanal e nossa recomendação é que você não falte, pois dessa forma você estaria colocando em risco não apenas sua saúde, mas também a de seu pequeno(a).

São exames solicitados durante o pré-natal no terceiro trimestre gestacional:

  • Exame de toque;
  • Exames laboratoriais (hemograma de rotina, exame de urina, exame da bactéria Streptococcus B);
  • Exames de imagem (ultrassom morfológico, monitoramento do batimento cardíaco, perfil biofísico fetal);
  • Cardiotocografia

E aí, conseguiu compreender quais são os principais sintomas e acontecimentos durante as 30 semanas de gravidez? Esperamos que sim! Caso você tenha ficado com alguma dúvida referente a esse assunto, basta comentar aqui nesse post que nós te esclarecemos.

Lembre-se que todo o conteúdo descrito aqui é com intuito informativo e que não dispensa às idas ao obstetra. Muito pelo contrário: nós recomendamos fortemente que você faça o pré-natal com a frequência indicada por um médico de confiança para garantir que sua saúde e a do seu bebê não sejam afetadas.

Ah, e se você quiser ficar por dentro de tudo o que acontece nas semanas finais da gestação, basta continuar de olho aqui em nosso blog. Nos próximos dias iremos divulgar os posts referentes às próximas semanas gestacionais e nós te esperamos por aqui! Até a próxima.

Maria Luísa, publicitária formada em 2016 com ênfase em planejamento e redação. Durante minha carreira como redatora, já escrevi sobre diversos assuntos, porém os que mais me identifico são os voltados para o público feminino, em especial sobre maternidade e beleza. Em meu tempo vago, me tornei mãe de pet, amante da moda, esporte e arte. Essa sou eu! Prazer, Malu! (:

Deixe um comentário